Pagamento atrasado das férias gera remuneração em dobro

Pagamento atrasado das férias gera remuneração em dobro

Pagamento atrasado das férias gera remuneração em dobro

Já estamos nos aproximando do final do ano e, como ele, virão as férias de muitos trabalhadores!

Mas, é preciso ficar de olho: o pagamento das férias deve acontecer até dois dias antes do período de descanso começar.

Por exemplo: se o início das férias cair no dia 05, a empresa deverá fazer o pagamento até o dia 03.

Nesse pagamento deve constar a remuneração mensal do trabalhador, e mais o adicional de 1/3 do valor do seu salário.

Mas, se o pagamento das férias não for realizado dentro do prazo, a empresa deverá pagar multa. Ou seja, o dobro da remuneração, e mais o adicional de 1/3 do valor do salário do empregado.

E, atenção: a multa também é aplicada nos casos em que o trabalhador não recebe o pagamento, mesmo que já tenha tirado as férias.

Por isso, fique atento às datas, no momento de assinar o aviso e o recibo de férias. Muitas empresas atrasam o pagamento, mas entregam a documentação com as datas corretas, visando escapar da multa.

Se você já tirou suas férias, mas não recebeu o pagamento, ou se o pagamento foi realizado fora do prazo (e a empresa não pagou a multa), denuncie ao Sintrial Dois Vizinhos, clicando aqui.

 

Fonte: Sintrial dois vizinhos