Meu neto nasceu: posso faltar ao trabalho?

Meu neto nasceu: posso faltar ao trabalho?

Assim como o nascimento de um filho, a chegada de um neto é um momento especial e importante para vovós e vovôs!

Porém, o netinho pode chegar quando suas avós e seus avôs ainda estão no mercado de trabalho, com carteira assinada.

Nesse caso, será que a legislação trabalhista possui alguma licença que permita o afastamento justificado de avós e avôs durante esse período – semelhante à licença-maternidade ou à licença-paternidade?

A resposta é: não.

Continue a leitura para saber mais.

 

O que diz a lei?

Não há permissão legal para que avós e avôs faltem ao trabalho de forma justificada por causa do nascimento de um neto – seja na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) ou em qualquer outra lei brasileira.

Da mesma forma, não há autorização legal para que avós e avôs acompanhem o parto na maternidade de forma justificada.

 

O que acontece se avós e avôs faltarem ao trabalho por causa do nascimento do neto?

Caso faltem, a ausência será considerada injustificada para todos os seus efeitos, e a empresa poderá descontar o dia do trabalhador (já que, por lei, ela não é obrigada a autorizar a falta).

Além disso, o empregado poderá receber uma advertência verbal ou escrita e até uma suspensão.

Mas, calma: antes de mais nada, tente conversar com seu empregador!

Se a ausência não representar prejuízos para nenhum dos lados, pode ser que ele libere você para acompanhar o nascimento do seu netinho!

Afinal, sua experiência será de grande ajuda para os novos papais durante os primeiros dias de vida do recém-nascido!

Para saber mais sobre outros direitos trabalhistas, clique aqui.

 

Fonte: Sintrial dois vizinhos